Mensagem de Boas Vindas

Esperamos que os conteúdos aqui apresentados sejam úteis e ajudem a melhor conhecer Portugal. Encontrarão, aqui, notícias sobre as atividades que diariamente desenvolvemos e também sugestões e orientações sobre como aceder a outras instituições, organismos e serviços públicos portugueses, instituições culturais, académicas e desportivas, associações da Comunidade Portuguesa no Brasil e outras entidades.

Não hesitem em contactar-nos, sempre que necessitarem de alguma informação adicional, não deixando, igualmente, de nos apresentarem todas as sugestões e recomendações que entendam pertinentes e que possam contribuir para a melhoria dos serviços que aqui prestamos e para reforçar o relacionamento entre Brasil e Portugal

Convidamos também a visitarem o nosso Facebooke o Instagram do Centro Cultural Português, em Brasília.

Se desejarem receber as nossas novidades por email, basta enviar uma mensagem para geral@institutocamoes.org.br.

Mais notíciasNotícias

O NRP Sagres continua a sua viagem, repetindo a odisseia de Fernão de Magalhães, ou seja, a primeira viagem de circum-navegação do mundo, iniciada em 1519 e concluída em 1522.

Após ter feito escala em Tenerife (Ilhas Canárias, Espanha), a Sagres está agora na Cidade da Praia, em Cabo Verde. Segue-se o Rio de Janeiro, onde o navio permanecerá entre 10 e 15 de fevereiro.

A Sagres atracará no Cais Armazém 7 (próximo ao AquaRio) e está aberta para visita nos seguintes horários:

11/02: 10h às 12h;

12/02: 10h às 12h e 14h às 16h;

14/02: 10h às 12h, 14h às 18h e 20h às 23h.

A Sagres é o navio mais condecorado da Marinha Portuguesa – Ordem do Infante D. Henrique (1985), Medalha Naval Vasco da Gama (2007), Ordem Militar de Cristo (2012) – e também o único que ostenta condecorações estrangeiras – Medalha Mérito Tamandaré (Brasil–2016) e Estrela de Honra de 1.ª Classe (Cabo Verde–2016) – tendo sido distinguido pela Associação Comercial do Rio de Janeiro com a Medalha Visconde de Mauá (2017), pela relevância da sua ação em prol das relações comerciais entre os empresários portugueses e brasileiros, no período em que foi a Casa de Portugal durante os Jogos Olímpicos, em resultado da parceria entre a Marinha Portuguesa e o Comité Olímpico de Portugal. Este ano, o navio-escola estará em Tóquio, por ocasião dos Jogos Olímpicos.

A bordo, nesta viagem, seguem 142 elementos, 50 instruendos da Aporvela – Associação Portuguesa do Treino de Vela e dois investigadores do projeto SAIL, dedicado a um estudo pioneiro da eletricidade atmosférica no ambiente marinho e dos efeitos das alterações climáticas.

Conheça o navio-escola Sagres e siga o diário de bordo da viagem neste link: https://sagres.marinha.pt/pt

imagem embaixada

 

No passado mês de novembro recebi, na Embaixada de Portugal, em Brasília o escritor Carlos Magno de Melo, para o lançamento da sua mais recente obra “Guaibimpará Caramuru – Das areias às estrelas”. Este livro, publicado pela Thesaurus Editora, vem romancear a célebre história do náufrago português Diogo Álvarez Correia e o seu romance com a índia tupinambá Paraguaçu, também chamada Guaibimpará.

Segundo relatos mais ou menos históricos, tendo Diogo sobrevivido ao naufrágio de um navio francês que cruzava os mares da Bahia, próximo da atual cidade de Salvador, deu à costa e foi socorrido pelos Tupinambá que ali habitavam. O cacique daquela tribo, de seu nome Taparica, ter-se-á agradado dos modos do português, a ponto de lhe ter dado uma de suas filhas, Paraguaçu, como esposa.

A data do naufrágio não é certa mas sabe-se que Diogo Álvarez manteve contacto com exploradores franceses e, em 1526, rumou até França, na companhia de Guaibimpará. Esta viria a ser batizada em Saint-Malo, na Bretanha, recebendo o nome cristão de Catarina, possivelmente em homenagem a Catherine des Granches, esposa de Jacques Cartier, que foi a sua madrinha.

Estamos perante a narrativa de uma verdadeira Pocahontas luso-brasileira, sendo que a viagem europeia de Paraguaçu precedeu, em quase um século, a da norte-americana. E por isso merece ser devidamente celebrada a sua memória e divulgada a sua singular história de vida, como exemplo de precoce união entre Portugal e o que viria a ser o Brasil.

Invoco estas figuras históricas porque o nosso passado comum é um aspecto que enaltece esta relação ímpar entre Portugal e o Brasil. Mas, neste ano que passou, temos mais um grande factor a unir-nos como nunca: o futebol!

Ver a bandeira portuguesa a ser agitada, por Jorge Jesus e a sua equipa técnica, nas celebrações da conquista da Taça dos Libertadores pelo Flamengo, façanha que o clube não alcançava há 38 anos, foi motivo de grande regozijo para toda a comunidade portuguesa e lusodescendente no Brasil. Da mesma forma, todos nos alegrámos por Jorge Jesus ter sido homenageado com o título de cidadão honorário da cidade do Rio de Janeiro, depois de ter ganho, também, o “Brasileirão”, o Campeonato Brasileiro de Futebol.

Foram momentos muito fortes e que deixam marca muito positiva, de profundo orgulho, no contexto das relações luso-brasileiras. Sendo de lembrar que a presença portuguesa no futebol brasileiro é antiga e de nomeada: muitos clubes brasileiros são considerados praticamente equipas portuguesas, como os famosos Vasco da Gama, do Rio de Janeiro, e Portuguesa dos Desportos, de São Paulo, conhecida como Lusa. Além destes, temos também a Portuguesa Santista, de Santos, a Portuguesa de Londrina, a Tuna Luso Brasileira de Belém do Pará e muitos outros clubes e agremiações futebolísticas espalhadas de norte a sul do Brasil.

Posso até lembrar que, nos idos de 1944, a Seleção Brasileira de Futebol já foi treinada por um português, de seu nome Jorge Gomes de Lima, mais conhecido por Joreca.

Não são estes dados irrelevantes ou apenas triviais mas sinais, tão importantes quanto saldos comerciais e afins, da importância e transcendência desta fraternidade transatlântica, que se alimenta do especial dinamismo da vasta Comunidade Portuguesa e luso-brasileira espalhada por todo o Brasil, com especial vitalidade aqui no Rio de Janeiro.

É, portanto, neste espírito de verdadeira união que venho desejar a todos, com sincera amizade, um ano de 2020 que nos traga mais sucessos, mais razões para comemorarmos, sempre em conjunto.

Brasília, dezembro de 2019

Jorge Cabral

Embaixador de Portugal no Brasil

Contactos

SES - Setor de Embaixadas Sul, Quadra 801, Lote 02
CEP 70402 - 900
Brasília - Distrito Federal
Brasil

+55 (61) 30 32 96 00
brasilia@mne.pt

Mais informação

Ligações úteis

Logotipo Portal das Comunidades Portuguesas

Logotipo Carreiras Internacionais

Logotipo Turismo de Portugal

Logotipo AICEP - Portugal Global

Logotipo Portugal Economy Probe

Logotipo Camões - Instituto da Cooperação e da Língua

Logotipo Instituto Diplomático